lay-out copy copy
As informações contidas nesta
Home-page têm caráter informativo e educacional e não devem ser utilizadas para realizar auto-diagnóstico, auto-tratamento e auto-medicação.

Em caso de dúvida, o profissional médico deverá ser consultado, pois, somente ele está capacitado para praticar o ato médico conforme recomenda o CONSELHO FEDERAL DE MEDICINA.

Responsável:
Dr. João S. de Almeida Prado - CRM-SP 24.431.
Em nosso entender a verdade emana da Natureza, portanto, o verdadeiro conhecimento, "o científico", vem da observação da natureza, o moralismo que é a antítese da ciência, se caracteriza quando alguém se julga capaz de ditar a verdade, portanto, na postura CIENTÍFICA se um conceito que consideramos verdade mostra que na pratica não esta funcionando devemos revé-lo ao invez de adotar o caminho mais fácil que é culpar alguém pelo não funcionamento da" verdade".

O tratamento tradicional da obesidade, "fechar a boca", em todas as suas variantes, funciona bem no inicio e depois se transforma em um desastre, então do ponto de vista científico precisa ser revisto. A expressão escrita mais antiga que conheço, de cunho científico esta no Evangelho, há dois mil anos Jesus Cristo disse: A Sabedoria se justifica pelas suas Obras.
Em nossa visão não tem o que discutir, os moralistas que nos perdoem porem contra fatos não há argumentos. É necessário reavaliar a técnica ao invés de achar que ela é perfeita e o gordo é quem esta errado.
Sabota o tratamento comendo escondido, (sabe hoje que até cobaias de laboratório desenvolvem resistência orgânica às dietas restritivas ), ou é amaldiçoado pelo gene da obesidade ( que todos nós herdamos de nossos ancestrais porque até 1950 ser gordo era característica de maior aptidão).
Há 10.000 anos, aprendemos a cultivar o trigo ( primeiro alimento conservável ), pois, até então ser gordo era uma condição de sobrevivência, sendo que entre consumir só trigo, alimentação não balanceada como a gordura, e gordura é obvio que o organismo por sua inteligência que provem da Mãe Natureza, prefere a gordura que pode carregar consigo.

Todas as técnicas de fechar a boca, com suas variações de roupagem, sejam dietas restritivas de qualquer substancia, exercícios exagerados que aumentando o consumo de energia sem o devido aumento de ingesta, medicações variadas para evitar a fome ou agilizar o intestino dificultando a absorção ou evitar a absorção reduzindo o estomago, só podem levar à dois destinos :

1- Inanição permanente gerando fraqueza do organismo facilitando infecções, ou agravando-as tornando-as muitas vezes fatais ou a própria morte por inanição como nos casos de anorexia.

2- Desnutrição, com a competente resistência do organismo gerando obesidade para se defender pagando o preço do encurtamento da expectativa de vida pela multiplicidade de doenças patrocinadas pelo sobrepeso e agravadas pelo efeito sanfona.

Portanto:
Para manter o peso
Se você não precisa emagrecer, basta respeitar o conceito de nível sangüíneo.(Clique aqui para ver o conceito) Alimentando-se de forma a oferecer a quantidade necessária de calorias em função de seu peso e nível de atividade para as próximas 8 horas , desta forma você estará eliminando a necessidade do organismo de armazenar (engordar ).

Neste caso você só corre risco de engordar se alguma doença física ou psíquica, ou o efeito colateral de alguma medicação alterar sua necessidade metabólica .
São situações mais raras e que necessitam de avaliação e acompanhamento médico específico.

Se este é o seu caso procure orientação médica.

Para emagrecer
Para isto é necessário queimar a poupança já acumulada, porém de nada vai adiantar se o seu inconsciente não for convencido de que pode com tranquilidade deixar de acumular.

Caso contrário você vai cair novamente na armadilha de perder alguns quilos e depois engordar os mesmos quilos de novo com acrescimo de multa , juros e correção monetária, impostos pela mãe natureza ( você não respeitou suas regras )

Somente o seu inconsciente pode libera-lo para SER MAGRO
O QUE É INCONSCIENTE?

A difusão desordenada de conceitos psicológicos ( com frequência feita por quem não tem a mínima formação sobre o assunto ) tende a nos levar a pensar que inconsciente à um deposito de bloqueios sexuais.

Inconsciente na realidade é a parte de nossa mente que funciona independente de nossa vontade consciente ou mesmo de nosso conhecimento.

É o nosso inconsciente que determina e ajusta as nossas necessidades organicas, como por exemplo a velocidade do funcionamento nosso sistema cardiovascular, do nosso sistema respiratório enfim tudo que acontece sem que precisemos "pensar" no assunto. Portanto, não podemos alterar com uma simples ordem consciente. É este inconsciente que determina se o excedente calórico vai ser eliminado ou vai ser transformado em gordura e POUPADO.

LEMBRE-SE, VOCÊ ESTA GORDO PORQUE SEU INCONSCIENTE TEME A POSSIBILIDADE DE FALTA DE ALIMENTOS

Assustado o seu organismo reage acumulando assim que puder

Mas tenha em mente o seguinte :
Antes de iniciar a queima é extremamente recomendável que você primeiro acostume seu organismo à um ritmo de ingestão suficiente para tranqüiliza-lo
Estas atividades requerem conhecimento técnico, e portanto somente podem ser executadas adequadamente com o acompanhamento de seu médico de confiança

Precisando de ajuda ou Se não conseguir sozinho entre em contato conosco.

Como voce deve ter percebido o primeiro e principal motivo que leva à engorda é a necessidade de provisão para enfrentar períodos de escassez.

No entanto como esta à uma conclusão do inconsciente , baseada em sua interpretação, nem sempre segue uma lógica típica da mente consciente. É importante lembrar que o inconsciente trabalha baseado nas informações internas do organismo.

Por isto é que não adianta você ter conhecimento (conscientemente saber) que há abundância de comida, se você passa fome, ele entende que existe falta de comida, para ele só importa o que á sentido na pele (usando uma expressão popular)

Portanto, coisas como lentificação do intestino, gravidez não compensada com aumento adequado da ingestão (a grávida tem que fornecer calorias para o feto em desenvolvimento),ou a utilização de um hormónio que leve o inconsciente à acreditar em uma gravidez, são exemplos de informações que o levam a decidir pela engorda.

Além disto após deflagrar o processo de engorda existem mecanismos secundários de ordem psicológica e fisiológica que podem se estabelecer dificultando ou mesmo impedindo o emagrecimento.

São exemplos de fatores secundários : o apaziguamento de uma relação amorosa conflitiva com um parceiro ciumento, pela perda do componente atrativo estático fornecendo uma compensação psicológica para a gordura.

No campo profissional, se para uma modelo ser magra é fator de ascensão, para uma psicóloga dificulta e muito o crescimento da clientela.

São apenas alguns exemplos , dentre muitos fatores que podem impedir que você consiga sozinho.

Se este é o seu caso você necessita da orientação personalizada de um profissional que tenha experiência na técnica "APRENDENDO A SER MAGRO".

Esta orientação pode ser feita, dependendo do caso, em consultas individuais ou em reuniões em grupo, e o tratamento completo ( emagrecer, aprender a ser magro evoluindo até a escolha do indice de massa corpórea personalizado ) com um atendimento por semana leva em média 1 ano ( 6 a 18 meses) dependendo no número de complicações estabelecidas.

É importante lembrar que caso haja patologia glandular (tumor na tireóide por exemplo ) a técnica APRENDENDO A SER MAGRO passa a não ser suficiente, sendo necessário neste caso o tratamento ( anterior ou concomitante) com um endocrinologista.


Untitled Document Clinica J Prado de Emagrecimento - Av. Faria lima, 1690 cj 92 - Tel.:55 11 2901-2647 - E-mail: Dr. João de Almeida Prado